Oncologia / Hematologia

Oncologia HASP

Em virtude do crescente número de diagnósticos de câncer e atendendo aos pedidos dos nossos pacientes e também parceiros, o HASP criou o seu próprio centro de tratamento oncológico, composto por uma equipe multidisciplinar e multiprofissional de alto nível. Existe um atendimento especializado a todos os convênios e uma equipe de médicos especialistas na área. O diagnóstico de câncer traz um sofrimento muito grande, independente do prognóstico. Além de proporcionar um tratamento em busca da cura do paciente, caso seja possível, o objetivo também é levar qualidade de vida e o melhor tratamento para o paciente. Oferecemos tratamento clínico e cirúrgico, com os seguintes procedimentos:

Quimioterapia

A quimioterapia é o método que utiliza compostos químicos, chamados quimioterápicos, no tratamento de doenças causadas por agentes biológicos. Quando aplicada ao câncer, a quimioterapia é chamada de quimioterapia antineoplásica ou quimioterapia antiblástica. a quimioterapia pode ser administrada por vias intravenosa, oral, por injeção intramuscular (im), injeção subcutânea (sc) e intravesical (pela uretra). o tratamento pode ser composto por um único quimioterápico ou associação de dois ou mais medicamentos, que podem ser administrados diariamente, semanalmente ou mensalmente, seguidos de um intervalo de descanso de acordo com cada protocolo de tratamento.

Coleta de Biópsia de medula óssea

A biópsia da medula é capaz de estudar as características das células da medula óssea, por isso costuma ser utilizada para ajudar o médico a fazer diagnósticos e acompanhar a evolução de doenças como linfoma, mielodisplasias ou mieloma múltiplo, assim como para pesquisar infecções ou para identificar se existem metástases de outros tipos de tumores para este local.

Mielogograma

O mielograma é um dos exames que avaliam a medula óssea por meio desta técnica, é possível avaliar e quantificar as células que originam os leucócitos (glóbulos brancos), hemácias e plaquetas, podendo ser utilizada para diagnóstico de determinadas neoplasias, como leucemia, displasias ou aplasias sanguíneas.

Cariótipo de Medula Óssea

É um exame que consiste no estudo das alterações cromossômicas das células de medula óssea. É importante para auxiliar no diagnóstico, classificação, prognóstico, acompanhamento evolutivo, orientação e monitoração terapêuticas, monitoração de transplante de Medula Óssea, além de permitir saber quais os oncogenes envolvidos. Monotipagem de Medula Óssea e Ferromedular O exame é realizado com material da medula óssea (colhido no mielograma) ou com o sangue periférico. É uma análise que utiliza soros com anticorpos específicos para caracterizar melhor as células doentes. Nas leucemias, a imunofenotipagem é muito importante para classificação do subgrupo exato de células, permitindo adequar o tratamento aos achados biológicos.

É possível também fazer transfusão sanguínea no Centro de Oncologia. O nosso objetivo é oferecer um atendimento diferenciado proporcionando conforto e descanso ao paciente durante o procedimento e estadia em nosso hospital.

Dúvidas mais frequentes sobre Quimioterapia

1O que é Quimioterapia?
A quimioterapia é o método que utiliza compostos químicos, chamados quimioterápicos, no tratamento de doenças causadas por agentes biológicos. Quando aplicada ao câncer, a quimioterapia é chamada de quimioterapia antineoplásica ou quimioterapia antiblástica. a quimioterapia pode ser administrada por vias intravenosa, oral, por injeção intramuscular (im), injeção subcutânea (sc) e intravesical (pela uretra). o tratamento pode ser composto por um único quimioterápico ou associação de dois ou mais medicamentos, que podem ser administrados diariamente, semanalmente ou mensalmente, seguidos de um intervalo de descanso de acordo com cada protocolo de tratamento.
2É permitida a presença de acompanhante?
Sim. Você poderá trazer um acompanhante, porém, não é permitida presença de crianças, gestantes ou lactantes na sala de quimioterapia em virtude do risco de exposição aos agentes quimioterápicos.
3É necessário jejum para realização da quimioterapia?
Não. você pode alimentar-se normalmente antes de vir para sessão de quimioterapia, mas sugerimos a ingestão de alimentos leves e de rápida digestão.
4O meu cabelo irá cair?
A alopecia (queda de cabelos e pelos) dependerá do protocolo de tratamento indicado pelo seu médico, pois não são todos os medicamentos quimioterápicos que possuem este efeito colateral. A alopecia induzida pela quimioterapia poderá ser parcial ou total e seu início ocorre entre duas a três semanas após a infusão do medicamento, de acordo com a sensibilidade de cada paciente.
5Quanto tempo irá durar meu tratamento?
A duração é de acordo com cada protocolo de tratamento que pode variar de acordo com a localidade e agressividade do tumor.
6O que é Port o Cath?
O Port o Cath é um cateter central totalmente implantado de longa duração. É indicado por médicos e/ou enfermeiros para administração dos quimioterápicos e outros medicamentos de acordo com as condições de acesso venoso do paciente e do protocolo de tratamento a ser realizado. O cateter é implantado cirurgicamente por um cirurgião oncológico ou cirurgião vascular, podendo ser utilizado logo após sua implantação.
7Itens necessários em caso de internação:
Chinelo, pijama (fornecemos camisolas hospitalares para todos os pacientes), roupas íntimas, itens de higiene pessoal, além dos documentos pessoais necessários: cartão do convênio, RG e CPF do paciente e responsável pela internação. Importante: para cirurgias eletivas é necessário portar também pedido médico e autorização prévia do convênio. Já em caso de cirurgia particular, é necessário o comprovante de pagamento ou orçamento recebido.